Counter

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Maresia


Uma delicadeza enigmática 


Uma obra literária, cujo conteúdo pulsante e conturbado, convida à reflexão – o romance “Barco a Seco”, de Rubens Figueiredo, conta a história de um órfão, criado por uma família pobre e, pela qual, acaba sendo abandonado. Mesmo assim, superando todas as dificuldades que a vida lhe impunha e fascinado pelo mar, torna-se um perito de arte, com especialidade em um pintor, cujo histórico de vida, culminado em seu desaparecimento, é tão obscuro quanto a obsessão pelo mar retratada em suas obras, executadas sobre pedaços de barcos e de caixas de charuto. Diante desse panorama e da procura do perito por um desconhecido que declara o seu interesse pela autenticação de um quadro cuja autoria imputa ao pintor desaparecido há cinquenta anos, o fascínio pelo mar e as sombras do passado traçam um sutil paralelo entre a imagem do pintor e a do perito, entre tempo passado e tempo presente, entre o que é fictício e o que é realidade.

Uma obra literária, com base na qual, o diretor Marcos Guttmann decide lançar o seu primeiro longa-metragem “Maresia”, cuja autoria de roteiro, Guttmann compartilha com Melaine Dimantes e Rafael Cardoso – uma delicadeza enigmática digna de veteranos na produção da sétima arte. A partir de um elenco seleto, composto por Julio Andrade, Pietro Bogianchini, Vera Holtz, Mariana Nunes, Cristina Flores, Álamo Facó, Roberto Birindelli, Bruce Gomlevsky, Jonas Bloch, Pablo Sanábio e Tamara Taxman, a arte de “Maresia” é marcada pelas exímias tomadas fotográficas de Alexandre Ramos, pelo realismo presente no figurino de Gabriela Campos, pela naturalidade e autenticidade transmitida pela maquiagem de Lucila Robirosa e pela qualidade musical de Stefano Lentini e de Edson Secco.

Uma obra literária transformada em cinema arte, que discorre sobre conflitos definidos em tempos distintos, que induz ao desvendamento de uma história que chega ao seu final, conferindo, ao espectador, a incerteza de que esteja pisando em terra firme.


Nenhum comentário:

Postar um comentário