Counter

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

A Grande Jogada


Excelentes momentos de dinamismo e de sutil humor que tornam atraente, a crônica criminal desenrolada


Marcando a sua estreia como diretor cinematográfico, Aaron Sorkin se debruça na regência do longa “A Grande Jogada”. Sem qualquer compromisso para com a cronologia dos fatos, Sorkin discorre sobre a história de Molly Bloom (Jessica Chastain) – uma jovem promissora esquiadora olímpica que, devido a um acidente que a impossibilitou de dar continuidade à sua vida esportiva, acaba por fazer de si a maior gerenciadora do exclusivíssimo e milionário clube de pôquer do mundo e, consequentemente, alvo do FBI. Sorkin também assina o verborrágico e frenético roteiro que, em conjunto com a fotografia de Charlotte Bruus Christensen, arquitetam excelentes momentos de dinamismo e de sutil humor que tornam atraente, a crônica criminal desenrolada no filme.

Nenhum comentário:

Postar um comentário