DESERTO PARTICULAR - Melhor Filme Internacional TLVFest 2021

Escolhido para representar o país na disputa pelo Oscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira


Desde sua estreia no Festival de Veneza deste ano, no qual ganhou o prêmio de público,

de Aly Muritiba, tem uma trajetória de sucesso. Além de ser escolhido para representar o país na disputa pelo Oscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira, o longa, nesta semana, recebeu diversos prêmios. No Mix Brasil, foi premiado como Melhor Filme e Melhor Atuação, para Pedro Fasanaro.

Também foi escolhido como Melhor Filme Internacional TLVFest 2021 – The Tel Aviv Internacional LGBTQ Film Festival, e recebeu o Prémio Camilo (conferido ao melhor longa com temática LGBTQ), no Festival de Huelva – Cine Iberoamericano. O filme foi premiado por contar a dura realidade das pessoas trans e a valentia de levar a cabo no momento político e social em que vive o Brasil, deixando uma lacuna para o amor e a esperança.

Na próxima quinta, 25 de novembro de 2021, o filme estreia em Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Aracaju, Brasília, Salvador, Recife, Palmas e Niterói. E, em breve em Fortaleza, em 02/12; e Maceió, Florianópolis, Vitória, Belém, em 09/12/2021.

O longa é protagonizado por Antonio Saboia (“Bacurau”), como Daniel, um policial afastado do trabalho depois de cometer um erro. Ele mora em Curitiba, com um pai doente, de quem cuida com devoção. Taciturno, Daniel fala pouco, e sorri menos ainda. Seu único motivo de alegria é a misteriosa Sara, uma moça que mora no sertão da Bahia, e com quem se corresponde por aplicativo de celular. O desaparecimento súbito de Sara faz com que Daniel resolva cruzar o país em busca de seu amor.

Ficha Técnica

Direção: Aly Muritiba

Roteiro: Aly Muritiba, Henrique dos Santos

Produção: Antonio Gonçalves Júnior, Luís Galvão Telles

Produtoras: Garfo, Fado Filmes

Elenco: Antonio Saboia, Pedro Fasanaro, Thomas Aquino

Direção de Fotografia: Luis Armando Artega

Direção de arte: Fabíola Bonofliglio, Marcos Pedroso

Figurino: Isabella Brasileiro

Montagem: Patrícia Saramago

Som Direto: Marcos Mana

Diretor de Produção: Max Leen, Thamires Vieira

Produção Executiva: Chris Spode, Raiane Rodrigues

Gênero: drama

País: Brasil, Portugal

Ano: 2021

Duração: 120 min.

4 visualizações0 comentário