Dia Internacional da Dança - dois espetáculos gratuitos

Crocodilo Embaixo da Cama e SCinestesia

Comemorando o Dia Internacional da Dança (29 de abril), a Companhia de Danças de Diadema apresenta, no Teatro Clara Nunes - Centro Cultural Diadema, dois espetáculos de seu repertório. Trata-se do infantil Crocodilo Embaixo da Cama e de SCinestesia, respectivamente nos dias 29 de abril de 2022 (sexta, às 15h) e 30 de abril de 2022 (sábado, às 20h).

Os ingressos são gratuitos com distribuição no local, 30 minutos antes das sessões. Após cada apresentação, os integrantes da Companhia participam de bate-papo com o público.

Crocodilo Embaixo da Cama

Com coreografia de Clébio Oliveira e direção geral de Ana Bottosso, o espetáculo foi concebido em 2021, durante a pandemia da covid-19. Pela ótica infantil, Crocodilo Embaixo da Cama é uma viagem poética sobre o nosso tempo, sobre a pandemia, sobre nossas condições mentais que, diante de algo desconhecido, pode desencadear monstros, sejamos crianças ou adultos.

O enredo explora o imaginário infantil, repleto de bichos, fantasmas e monstros que provocam medo a qualquer hora do dia, principalmente na hora de dormir. Medos e fobias fazem parte do desenvolvimento da criança, expressa a descoberta do mundo, o discernimento entre o que é real e o que é fantasia, mas o que acontece quando esse imaginário é afetado por uma pandemia assustadora? A montagem caminha na direção de várias questões. Como seria enxergar o mundo atual pela ótica infantil? Como fica o estado mental da criança em um momento pandêmico? Quais as reflexões, expressões e reações da criança ao se defrontar com o desconhecido? Como encarar algo ameaçador e invisível? Como pôr-se em acordo com as emoções, os medos e os sentimentos quando afetados por uma pandemia mundial, tendo que encarar a extraordinária realidade?

FICHA TÉCNICA - Direção geral: Ana Bottosso. Criação coreográfica, pesquisa de material cênico: Clébio Oliveira. Bailarinos criadores: Carlos Veloso, Carolini Piovani, Daniele Santos, Danielle Rodrigues, Guilherme Nunes, Leonardo Carvajal, Noemi Esteves, Thaís Lima, Ton Carbones e Zezinho Alves. Ligth designer: Mirella Brandi. Música original: Matresanch. Concepção e confecção de figurino: Salomé Abdala. Assistência de confecção de figurino: Felipe Lemos. Assistente de direção e produção administrativa: Ton Carbones. Assistência de coreografia: Carolini Piovani. Assistência de ensaio: Zezinho Alves. Aderecistas: Marcos Sanchez e Patrícia Lopes. Técnico de luz: Luan Vinícius. Professores de dança clássica: Márcio Rongetti e Paulo Vinícius. Professor de dança moderna: Reinaldo Soares. Professores de dança contemporânea: Ana Bottosso e Ton Carbones. Condicionamento físico: Carolini Piovani. Orientação de Yoga: Daniele Santos. Professor de View Points: Bruno de Oliveira. Professora convidada: Daniela Moraes (improvisação). Assessoria de imprensa: Verbena Comunicação. Assistência de comunicação: Cristina Ávila. Assistência de produção e sonoplastia: Jehn Sales.



SCinestesia

Com direção geral e concepção coreográfica da bailarina e coreógrafa Ana Bottosso, a obra transita pelo universo do surrealismo, associado às possibilidades de integração entre dança contemporânea, teatro, música e artes visuais. Ana também assina a dramaturgia cênica, junto com o ator-performer Matteo Bonfitto, e a montagem conta ainda com participação do músico e compositor Luciano Sallun na criação da trilha sonora.

A animação surrealista “Tango”, do polonês Zbigniew Rybczynski, foi a principal inspiração para a Companhia de Danças de Diadema. O título “SCinestesia” surge da exploração dos diferentes significados das palavras sinestesia (mistura de sentidos) e cinestesia (conjunto de sensações que torna possível perceber os movimentos musculares). Materializados nos corpos e na cena, ambos os significados dissolvem as fronteiras entre dentro e fora, objetivo e subjetivo, consciente e inconsciente, incorporando ainda mais o universo surreal buscado. No palco, as possibilidades se multiplicam a cada repetição de hábitos corriqueiros. Eles podem ser parecidos, mas nunca iguais. Como em um processo de causa e efeito, ação e reação tudo pode se modificar a partir da mínima desordem, do inesperado, do acaso da vida.

FICHA TÉCNICA - Direção geral e concepção coreográfica: Ana Bottosso. Dramaturgia cênica: Ana Bottosso e Matteo Bonfitto. Intérpretes colaboradores: Carlos Veloso, Carolini Piovani, Daniele Santos, Danielle Rodrigues, Guilherme Nunes, Leonardo Carvajal, Noemi Esteves, Thaís Lima, Ton Carbones e Zezinho Alves. Assistência de direção e produção administrativa: Ton Carbones. Assistência de coreografia: Carolini Piovani. Assistente de ensaio: Zezinho Alves. Concepção musical: Luciano Sallun. Desenho de luz: Alexandre Zullu e Ana Bottosso. Técnico de luz: Luan Vinícius. Cenografia e adereços cênicos: Júlio Dojcsar. Figurinos: Bruna Recchia. Confecção de figurinos: Zezé de Castro. Art designer: Tono Guimarães. Professores de dança clássica: Márcio Rongetti e Paulo Vinícius. Professor de dança moderna: Reinaldo Soares. Professores de dança contemporânea: Ana Bottosso e Ton Carbones. Condicionamento físico: Carolini Piovani. Orientação em Yoga: Daniele Santos. Professor de View Points: Bruno de Oliveira. Professora convidada: Daniela Moraes (improvisação). Assessoria de imprensa: Verbena Comunicação. Assistência de comunicação: Cristina Ávila. Assistência de produção e sonoplastia: Jehn Sales.


Serviço

Companhia de Danças de Diadema

29 de abril de 2022. Sexta, às 15h

Infantil/dança: Crocodilo Embaixo da Cama

Duração: 37 min. Indicação etária: Livre.

30 de abril de 2022. Sábado, às 20h

Espetáculo/dança: SCinestesia

Duração: 60 min. Indicação etária: 14 anos.

Teatro Clara Nunes | Centro Cultural Diadema

Praça da Moça, 300 - Centro. Diadema/SP.

Capacidade: 377 lugares.

Ingressos: Grátis - distribuição 30 minutos antes das sessões.

Haverá um bate papo com o público após cada apresentação.


9 visualizações0 comentário