Gastão Villeroy ‘That bossa note’ - O álbum foi gravado com amigos ao redor do mundo

O disco mostra uma bossa-nova com letras em sua maioria em inglês e com temas contemporâneos como multiculturalismo, ecologia e autoconhecimento, tendo o amor como ponte


O artista está lançando o álbum That bossa note, gravado com amigos ao redor do mundo, que conta com orquestrações do maestro arranjador uruguaio Mônico Aguilera e do do próprio Gastão, com as participações do cantor Camaronês Njamy Sitson e dos brasileiros Antônio Villeroy e Wilson Simoninha. O álbum foi mixado e masterizado por David Feldman.

O disco mostra uma bossa-nova com letras em sua maioria em inglês e com temas contemporâneos como multiculturalismo, ecologia e autoconhecimento.

A sessão rítmica e harmônica fica por conta dos nova-iorquinos Joel Rosemblat (baterista de Michel Camilo e do grupo Spyro Gyra), Sandro Albert (guitarrista que já atuou com Rod Stewart e Omar Hakim), Michael O’Brien ( baixista de Harry Conic Jr e Rubem Blades), do guitarrista uruguaio radicado em Los Angeles Leonardo Amuedo, o cellista italiano Federico Puppi e dos brasileiros Ricardo Silveira, David Feldman, Lincoln Cheib, Guto Wirtti, dentre outros. As colaborações nas letras ficam por conta de parceiros, como os também nova-iorquinos Jesse Haris (autor de Don’t know why, dentre muitos sucessos de Nora Jones) e Sachal Vassandani, além da letrista radicada em Londres Natália Revi, do poeta paraense Cesar Miranda e do mano Antônio Villeroy.

Gaúcho radicado há 30 anos no Rio de Janeiro, Gastão Villeroy se formou em harmonia, arranjo e composição com o mestre húngaro Ian Guest, estudou contrabaixo acústico com Dener Campolina, baixo elétrico com Iury Popoff e Jorge Helder e violão com Everson Vargas.

Como contrabaixista, atuou com Milton Nascimento, Caetano Veloso, Billy Cobham, David Liebman, Adriana Calcanhoto, Alceu Valença, Maria Gadu, Lenine, dentre outros.

Em 2016, lançou o CD “Amazônia, Amazônia”, com as participações de Milton Nascimento, Lenine, Maria Gadu, Seu Jorge, Chico Chico, Antonio Birabent e Samuel Rosa (Skank).



3 visualizações0 comentário