top of page

O Profeta

Reflexões sobre a existência humana entre o nascimento e a morte

O Profeta

O Profeta


Aclamado pela crítica nas cidades por onde passou, o espetáculo "O Profeta" retorna ao Rio de Janeiro em uma curtíssima temporada, de 5 a 7 de abril de 2024, no Teatro Clara Nunes. O texto da peça, da filósofa Lúcia Helena Galvão, inspirado na obra de Khalil Gibran e dirigido por Luiz Antônio Rocha, apresenta reflexões sobre a existência humana entre o nascimento e a morte.


O livro "O Profeta", de Khalil Gibran, completou 100 anos em 2023 e já foi traduzido para mais de 100 idiomas. Transitando por temas como amor, filhos, trabalho, alegria, tristeza e morte, a mensagem continua a tocar os corações através da jornada turbulenta e incerta do homem pela vida. A peça traz a força de suas parábolas, permeadas por uma trilha ao vivo baseada em pesquisas sobre a música árabe clássica e folclórica. Com sucesso de público, o espetáculo, sem patrocínio, já foi apresentado em diversas cidades do Brasil e agora retorna ao Rio de Janeiro em abril.


Essa montagem reafirma a parceria entre o diretor e a autora, iniciada em "Helena Blavatsky, a voz do silêncio". Luiz Antônio, indicado ao Prêmio Shell em 2019 pela montagem de "Paulo Freire, O Andarilho da Utopia", descreve O Profeta como uma peça de rara beleza, destacando a força das parábolas, a poética musicalidade e a profundidade de seus conceitos.


Lúcia Helena Galvão explica que escolheu "O Profeta" como homenagem a Khalil Gibran, considerando-o sua obra-prima. Ela ressalta que a experiência do autor como imigrante inspira qualquer um que se sinta à deriva em um mundo em fluxo. Os pensamentos de Gibran se entrelaçam com nossas vidas, compreendendo parte importante do que somos.


No papel título está o músico e cantor libanês Sami Bordokan, pesquisador de música árabe clássica e folclórica, acompanhado em cena por seu irmão William Bordokan. Eles apresentam uma variedade de sons e ritmos, utilizando instrumentos ancestrais como alaúde, flauta nay, rabab e derbak, assinando também a direção musical do espetáculo.


Em doze ensaios poéticos, a história desafia o vazio e revela a beleza da vida em questões profundas, abordadas com ternura e sabedoria do Oriente. A peça convida-nos a sermos dignos da vida, vivendo ao nível do que há de mais elevado em nós.


FICHA TÉCNICA

Texto: Lúcia Helena Galvão


Interpretação: Sami Bordokan


Encenação: Luiz Antônio Rocha


Participação especial: William Bordokan


Cenário e Figurinos: Eduardo Albini


Projeto de Luz: Ricardo Fujii


Direção musical: Sami Bordokan e William Bordokan


Assistente de direção: Hanna Perez


Vídeo mapping: Júlio Mauro / Cine Mauro


Direção de arte: Eduardo Albini


Preparação corporal e direção de movimento: Hanna Perez


Caracterização: Mona Magalhães


Adereços e efeitos: Nilton Araújo


Artista têxtil: Priscila Pires


Costureira: Marcela G. F. Artusi


Parceria: Nova Acrópole Brasil 


Produção Executiva: Luiz Antônio Rocha


Produção: Espaço Cênico Produções Artísticas                                  

Assessoria de imprensa: Leila Meirelles


SERVIÇO

Peça: O Profeta

Estreia: 5/4/2024

Temporada: De 5 a 7 de abril, sexta e sábado às 20h30 e domingo às 19h Teatro Clara Nunes: Rua Marquês de São Vicente,52-GaveaShopping da Gávea.

Ingressos: R$120,00 (inteira), R$ 60,00 (meia)

Duração: 80 minutos

Gênero: Musical filosófico

Classificação Indicativa: Livre

41 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page