Vozes do Silêncio – Filme não Filme | Uma riqueza metafórica intensa

Dispositivos cênicos que dialogam entre si e revelam existências femininas marcadas pelo tempo, que resistem (ou não) à erosão do dia-a-dia

Com direção e tradução de Fábio Ferreira, o projeto “Vozes do Silêncio – Filme não Filme” ganha nova temporada online com apresentações gratuitas de 25 a 28 de novembro, às 20h, pela plataforma Zoom. “Vozes do Silêncio” reúne três obras curtas (“Não eu”, “Passos” e “Cadência”) do dramaturgo irlandês Samuel Beckett, Nobel de literatura, que dão vozes às mulheres silenciadas pela sociedade. Em cena, a também premiada atriz Carolina Virgüez dá corpo – e voz – a essas personagens por meio de solos que dialogam com diferentes linguagens artísticas.

Os ingressos gratuitos podem ser retirados no



Gravado em um casarão da Glória, na Zona Sul no Rio de Janeiro, “Vozes do Silêncio” apresenta três curtas complementares que trazem referências do cinema experimental russo e da artesania teatral, com uma riqueza metafórica intensa. São cenas plásticas e poéticas que transcendem à dramaturgia, mas que conversam com ela numa narrativa oscilante em que as vozes femininas se desdobram criando sombras, reminiscências, deslocamentos ao ponto de questionarmos quem fala e de onde vêm essas vozes.

Os três filmes — “Não eu”, “Passos” e “Cadência” — são dispositivos cênicos que dialogam entre si e revelam existências femininas marcadas pelo tempo, que resistem (ou não) à erosão do dia-a-dia, e que têm em comum a repetição dos hábitos, o cancelamento e outras violências. Estudioso da obra de Beckett, Fábio Ferreira conta que apesar de as protagonistas femininas terem demorado a aparecer nos textos do escritor irlandês, elas surgem de uma forma bastante contundente, interrogando os cancelamentos da presença (e da voz) da mulher na sociedade.

A iluminação de Renato Machado, a trilha sonora original de Felipe Storino, o visagismo de Cleber de Oliveira e os figurinos de Luiza Marcier visam, de modos variados, a evidenciar e a reverberar essas vozes que foram esquecidas.

FICHA TÉCNICA

Textos: Samuel Beckett

Tradução: Fábio Ferreira

Direção: Fábio Ferreira

Performance: Carolina Virgüez

Roteiro: Fabio Ferreira

Assistente de direção: Carolina Rocha

Cenografia: Fabio Ferreira

Iluminação: Renato Machado

Assistente de iluminação: Rodrigo Lopes

Visagismo: Cleber de Oliveira

Figurinista: Luiza Marcier

Assistente de figurino: Júlia Roliz

Trilha sonora: Felipe Storino

Participações Especiais:

Gerald Thomas – Contrabaixo

Paulo Passos - Clarone

Direção de movimento: Paulo Mantuano

Supervisão vocal: Jaqueline Priston

Fotografia e edição: André Monteiro

Social midia: Thiago Guarabyra

Projeto gráfico: Luiza Marcier

Administrativo e prestação de contas: Patrícia Basílio

Produção executiva: Ártemis e Alex Nunes

Direção de produção: Sérgio Saboya e Silvio Batistela

Realização: SESC

Agradecimentos: Ana Luiza Martins, Miguel Martins Ferreira, Helena Franco Martins, Daniel Scatena, Karl Eric Schollhamer, Juan Manuel Terenzi, James Knowlson, Mark Nikon, Tine Lykke Prado, Paulo Henriques Britto, Flora Sussekind, Rafaela Amodeo, Fabio de Souza Andrade, Gerald Thomas, Paulo Passos, Sassa Samico, Mariana Kaufmann, Ana Paula Rolim, Luisa Espíndola, Irene Monteiro, Paulo Denizot, Daniel Castanheira, Monica Maia e Cia Dos à Deux.

Vozes do Silêncio – Filme não Filme

Temporada: de 25 a 28 de novembro de 2021.

Apresentações: de quinta a domingo, às 20h.

Capacidade: 260 pessoas. Classificação indicativa: 14 anos. Duração: 70 min.


1 visualização0 comentário